0 Compartilhamentos 207 Views

Microsoft descontinua Groove Music

3 de outubro de 2017

A Microsoft anunciou no final da tarde dessa segunda-feira o encerramento do serviço de streaming de música Groove Music, antigo Xbox Music.

É o fim de uma longa trajetória da Microsoft no competitivo mercado musical, desde o MSN Music (2002) e a empresa está incentivando os usuários remanescentes a migrar para o parceiro Spotify.

Em seu comunicado oficial, a Microsoft sinaliza a mudança como um reforço da parceria que já existia antes: “nós estamos empolgados em anunciar que estamos expandindo nossa parceria com o Spotify para trazer o maior serviço de streaming de música para nossos consumidores do Groove Music Pass. A partir desta semana, clientes do Groove Music Pass podem mover facilmente todas as suas playlists customizadas e coleções diretamente para o Spotify. Além disso, vocês estão aptos a um teste de 60 dias grátis do Spotify Premium”.

Embora a Microsoft esteja tentando manter as aparências, esse é o ponto final do Groove Music e o encerramento de 15 anos de tentativas de competir na indústria do consumo de música. A partir do dia 31 de Dezembro, todas as assinaturas do Groove serão encerradas, haverá reembolso de alguns planos e o aplicativo não será mais capaz de baixar, adquirir ou transmitir músicas. A Microsoft garante apenas que será possível executar e gerenciar faixas locais ou armazenadas no OneDrive, por um prazo não revelado.

As investidas da gigante tecnológica começaram com a criação do MSN Music em 2002. Inicialmente um portal de música e informação sobre músicos e bandas, dois anos depois foi transformado em loja digital como uma resposta ao surgimento do iTunes da eterna rival Apple.

A loja não conseguiu competir em vendas e viu seu catálogo inicial de 1.5 milhão de músicas ser reduzido para 1.1 milhão de faixas por não conseguir segurar as licenças necessárias. A MSN Music utilizava a tecnologia do Windows Media Player para reprodução e as canções compradas pelos usuários eram protegidas por uma autenticação DRM a nível de servidor.

Em 2006, o MSN Music foi fechado para dar lugar ao Zune Music, a loja digital do seu emergente dispositivo de execução de mídia. Embora a Microsoft tenha se comprometido a manter os servidores de autenticação funcionando por cinco anos para seus antigos usuários, em 2008, foi colocado o último prego no caixão da antiga loja, desligando os servidores e tornando todas as músicas compradas pelo serviço permanentemente bloqueadas.

Embora tenha chegado a acumular 11 milhões de faixas em seu acervo, o Zune Music não teve um destino melhor: o aparelho que batizava seu ecossistema amargou péssimas vendas e não conseguiu fazer frente ao iPod, que seguiu impulsionando o sucesso do iTunes. Em 2012, o Zune Music dava lugar ao Xbox Music, pegando carona no console da empresa e seus aplicativos internos, ao lado do Xbox Vídeos.

Mas a nova marca também não durou muito e o serviço foi renomeado novamente para Groove Music e alardeado como uma das novidades do vindouro Windows 10. O objetivo era desassociar o serviço do console e atingir um público mais abrangente, mas novamente a estratégia não deu os resultados esperados. Com o fim do Groove Music, a Microsoft se retira oficialmente de um mercado onde não experimentou o sucesso de seus concorrentes.

Você pode se interessar

Como enlouquecer os rastreadores de internet
Dicas
7 visualizações
Dicas
7 visualizações

Como enlouquecer os rastreadores de internet

Carlos L. A. da Silva - 18 de setembro de 2019

Track This é um experimento criado pelo time do Firefox que vai alterar completamente o perfil que os anunciantes tem de você.

A história de Amazônia, o primeiro jogo brasileiro!
Artigos
8 visualizações
Artigos
8 visualizações

A história de Amazônia, o primeiro jogo brasileiro!

Carlos L. A. da Silva - 17 de setembro de 2019

Como um programador iniciante criou um adventure clássico que atravessou décadas.

VIM (Amado ou Odiado?) // Dicionário do Programador
Vídeos
6 visualizações
Vídeos
6 visualizações

VIM (Amado ou Odiado?) // Dicionário do Programador

Thais Cardoso de Mello - 16 de setembro de 2019

Uma poderosa ferramenta, que dispensa apresentações, e vem sendo utilizada por muitas gerações de programadores.

Mais publicações

Promoções de Jogos do Final de Semana (13/09)
Notícias
10 visualizações
10 visualizações

Promoções de Jogos do Final de Semana (13/09)

Carlos L. A. da Silva - 13 de setembro de 2019
Como usar os novos atributos de link do Google
Dicas
11 visualizações
11 visualizações

Como usar os novos atributos de link do Google

Carlos L. A. da Silva - 11 de setembro de 2019