0 Compartilhamentos 335 Views

Novo leilão 4G deve acontecer em abril ou maio de 2014

19 de agosto de 2013
Orelhões com Wi-Fi deverão começar a ser instalados em 2015

Orelhões com Wi-Fi deverão começar a ser instalados em 2015

O presidente da Anatel, João Rezende, anunciou hoje que o próximo leilão de banda larga móvel 4G, na faixa de frequência de 700 MHz, acontecerá em abril ou maio de 2014. Ele fez as declarações durante um workshop sobre conectividade, que acontece no Rio de Janeiro.

Rezende ainda afirmou que até dezembro desse ano as cidades-sede dos jogos da Copa do Mundo deverão ter a rede atual 4G, na faixa dos 2,5 GHz, instalada.

Na quinta-feira (15), a Anatel publicou um levantamento, mostrando que as metas de qualidade da internet móvel são cumpridas pelas quatro maiores operadoras (Oi, TIM, Vivo e Claro) em apenas três capitais do país (Maceió, Cuiabá e Campo Grande). Nas outras 23 capitais e no Distrito Federal, ao menos uma dessas operadoras foi reprovada em um dos critérios de avaliação utilizados pela agência.

A situação é ainda mais crítica nas duas maiores cidades do país. Em São Paulo, as quatro operadoras descumprem as metas de qualidade, enquanto no Rio de Janeiro, nenhuma das operadoras cumpre a meta de sucesso nas conexões.

Os números do levantamento são relativos a abril deste ano, e se referem tanto às conexões 3G quanto às 4G. Para que a operadora seja aprovada, precisa apresentar sucesso em pelo menos 98% das tentativas de conexão feitas pelos clientes, e ter uma taxa de quedas inferior a 2%.

O presidente João Rezende ainda afirmou que existem estudos para que a meta de massificação do 3G e do 4G seja antecipada. O plano original da agência é que a cobertura 3G no país esteja completa em 2017, enquanto a 4G deve ser concluída em 2019. Contudo, o presidente acredita ser possível antecipar a massificação das coberturas para 2016 e 2018, respectivamente.

João Rezende ainda informou que a Anatel irá iniciar estudos para a instalação de orelhões Wi-Fi. Segundo ele, existem mais de 1 milhão de orelhões no país, muitos deles subutilizados. A ideia da agência é desativar 400 mil, e modernizar os outros 600 mil, mantendo cerca de metade deles no formato tradicional, e a outra metade oferecendo serviço Wi-Fi. O presidente da Anatel afirma que a consulta pública será realizada em março, e os novos orelhões entrarão em funcionamento a partir de 2015 ou 2016.

Carregando...

Você pode se interessar

Adeus a Mandic, um dos “pais” da internet brasileira
Artigos
10 visualizações
Artigos
10 visualizações

Adeus a Mandic, um dos “pais” da internet brasileira

Carlos L. A. da Silva - 18 de maio de 2021

Aleksandar Mandic partiu em 6 de maio, mas seu legado seguirá conosco.

O que é o FLoC e como ele afeta sua privacidade na internet?
Artigos
193 visualizações
Artigos
193 visualizações

O que é o FLoC e como ele afeta sua privacidade na internet?

Carlos L. A. da Silva - 5 de maio de 2021

Federated Learning of Cohorts é uma API proposta pelo Google para substituir os cookies, mas ela também oferece problemas

Como planejar e construir um projeto de programação
Artigos
416 visualizações
Artigos
416 visualizações

Como planejar e construir um projeto de programação

Carlos L. A. da Silva - 19 de abril de 2021

O desenvolvedor full stack Peter Lynch revela seu método de preparação para qualquer projeto, de forma simples e direta para iniciantes e veteranos.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações