0 Compartilhamentos 863 Views

5 dicas para se tornar um desenvolvedor de Julia

2 de outubro de 2019

É bem provável que você não conheça Julia. Essa é uma linguagem de alto nível criada em 2009 para alta performance em análise de números, estatísticas e ciência da computação. Está crescendo em aplicações de Big Data. Entretanto, ela está prestes a ganhar um impulso significativo: a Mozilla está querendo levar o poder de Julia para dentro dos navegadores.

A meta de seus engenheiros é transformar essa ferramenta de ciência de dados em um recurso do Firefox através de um interpretador WebAssembly. O resultado será um plugin poderoso que poderá abrir portas para interações ainda sequer sonhadas. Em outras palavras, há um grande futuro para Julia e essa foi uma das linguagens de maior ascensão em 2018, de acordo com diferentes indicadores de popularidade.

Embora esse artigo não tenha a pretensão de ensinar a você como programar em Julia, nosso objetivo é apontar a direção certa para mergulhar de cabeça na linguagem.

1) Introdução a Julia

Até o momento, o Código Fonte não tinha uma categoria dedicada a Julia, dada o alcance de nicho da linguagem de programação. Entretanto, não é difícil encontrar um ponto de partida para quem está conhecendo agora seu imenso potencial.

O ponto inicial mais óbvio para começar a entender o Julia  é a própria documentação oficial da linguagem administrada pela comunidade de desenvolvedores responsável por manter o padrão.  Além de oferecer informação constantemente atualizado de acordo com a versão vigente da linguagem, o site oficial também oferece a última versão para download, vídeos sobre o tema, ferramentas e funciona como um ponto central de atividades para toda a comunidade de programadores. Infelizmente, esse conteúdo não se encontra disponível em Português.

É possível encontrar uma versão em nosso idioma dessa documentação oficial, mas está bastante defasada de acordo com a última versão. Ainda assim, pode funcionar como uma porta de entrada para iniciantes. A nossa recomendação é sempre ter um bom domínio do Inglês, uma recomendação que vale para aprender qualquer linguagem de programação.

Em Português, a melhor referência introdutória é Julia para Pythonistas, uma palestra ministrada em 2018 que apresenta a linguagem para quem já tem algum conhecimento de Python.

2) Cursos Online Econômicos

Quer você seja um autodidata ou não, um bom curso pode ajudar a iniciar sua caminhada em uma nova caminhada, afiar os conhecimentos que você já tem ou mesmo ensinar truques e meandros da linguagem que você não havia percebido. Em muitos casos, nem precisa gastar muito dinheiro:

3) Ferramentas

A ferramenta certa para a tarefa certa é fundamental para se aventurar em uma nova linguagem de programação. Felizmente, já existe todo um ecossistema de programas focados para desenvolvedores de Julia:

  • Juno: IDE baseado em Atom, criado especificamente para a linguagem Julia. Gratuito.
  • Julia Studio: IDE multiplataforma, criado especificamente para a linguagem. Gratuito.
  • JuliaBox: IDE online que roda direto no navegador. Pago, com funcionalidades gratuitas.
  • Weave: ferramenta de produção de relatórios de dados. Gratuito.
  • Kakoune:  editor de código baseado em Vi altamente customizável. Gratuito.
  • Julia DT: Development Toolkit para Eclipse. Gratuito.
  • Julia para Visual Studio Code: extensão que oferece suporte à linguagem. Gratuito.
  • Julia para VIM: extensão que oferece suporte à linguagem no editor. Gratuito.
  • Julia para IntelliJ IDEA: plugin que oferece suporte à linguagem. Gratuito.
  • Julia para Emacs: extensão que oferece suporte à linguagem no editor. Gratuito.
  • Julia para Sublime Text: plugin que oferece suporte à sintaxe, com destaques, no editor. Gratuito.
  • IJulia: kernel de Julia para Jupyter. Gratuito.
  • Revise.jl: ferramenta que atualiza definições de funções automaticamente em uma sessão em execução. Gratuito.
  • Debugger.jl: a ferramenta oficial  de debug de Julia. Gratuito.
  • Rebugger.jl: uma ferramenta de debug a nível de expressão para Julia com interface de linha de comando (REPL). Gratuito.
  • Infiltrator.jl: ferramenta que permite estabelecer um breakpoint em contexto local, inspecionar variáveis locais e a pilha de chamadas, entre outras utilidades. Gratuito.

4) Livros Recomendados

Ninguém tem um computador na cabeça e um bom livro sobre uma linguagem de programação pode funcionar tanto como uma fonte inicial de aprendizado, como uma constante fonte de referência. Confira nossa lista de recomendações para Julia:

5) Comunidades de Desenvolvedores

Interagir com a comunidade de desenvolvedores que já tem experiência na linguagem ou com outros iniciantes com as mesmas dúvidas e descobertas também é um caminho fundamental para aprender sobre Julia, além de uma ótima oportunidade de estabelecer laços profissionais e pessoais duradouros. Confira algumas das melhores comunidades relacionadas a Julia na web:

Carregando...

Você pode se interessar

Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo
Artigos
67 visualizações
Artigos
67 visualizações

Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo

Carlos L. A. da Silva - 18 de setembro de 2021

O inglês Clive Marles Sinclair nasceu de uma família de engenheiros. Seu avô foi engenheiro, assim como o seu pai. Com um talento natural pela Matemática e um forte interesse em eletrônica, ele se tornaria uma página importante da popularização da computação em diversas partes do mundo, construindo um legado que se perpetuará por anos […]

A cibersegurança por trás das vacinas
Artigos
182 visualizações
Artigos
182 visualizações

A cibersegurança por trás das vacinas

Carlos L. A. da Silva - 7 de setembro de 2021

Vacinas contra o coronavírus contam com aparato sofisticado de cibersegurança que bateu de frente com tentativa de ação de hackers.

Top 25 comandos do Git
Artigos
318 visualizações
Artigos
318 visualizações

Top 25 comandos do Git

Carlos L. A. da Silva - 28 de agosto de 2021

Git é uma mão na roda para source control, mas pode ficar melhor ainda conhecendo os comandos certos.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações

Dez anos de Kotlin: origens e futuro
Artigos
376 visualizações
376 visualizações

Dez anos de Kotlin: origens e futuro

Carlos L. A. da Silva - 20 de agosto de 2021
10 jogos que todo programador deveria conhecer
Artigos
690 visualizações
690 visualizações

10 jogos que todo programador deveria conhecer

Carlos L. A. da Silva - 1 de agosto de 2021