0 Compartilhamentos 488 Views

Começa o julgamento do processo aberto pela Zenimax contra a Oculus

17 de janeiro de 2017

Sem muito alarde, começou no dia nove de Janeiro o julgamento que poderá mudar o cenário da indústria da Realidade Virtual: a Zenimax abriu um processo de roubo de tecnologia contra a pioneira Oculus.

A produtora de jogos busca uma indenização de nada menos que 2 bilhões de dólares na Justiça, a exata quantia que o Facebook pagou quando adquiriu a Oculus e seus projetos.

O julgamento vai se inflamar nessa terça-feira quando o próprio Mark Zuckerberg, o CEO e fundador do Facebook, se sentar no tribunal como uma das testemunhas chamadas para essa batalha jurídica que deve se prolongar por pelo menos mais três semanas e irá determinar qual dos dois gigantes está com a razão. A Zenimax alega que John Carmack, fundador da desenvolvedora de jogos id Software, levou documentos vitais da empresa quando se desligou para aceitar um cargo na Oculus e desenvolver a tecnologia utilizada em sua plataforma de Realidade Virtual.

zuckerberg_s7_vr_launch_big

A Zenimax, dona da id Software desde 2009, afirma ter “evidência substancial” não somente de que houve desvio de informações confidenciais, como também que a Oculus teria destruído provas para ocultar o furto de propriedade intelectual da id Software. Para Tony Sammi, um dos advogados que representam a acusação, a compra da Oculus pelo Facebook constituiria “um dos maiores roubos de tecnologia que já existiu”.

A Oculus, por sua vez, emitiu um comunicado onde garante que não irá fugir da luta: “nós estamos ansiosos para colocar nossa posição perante a Corte. A Oculus e seus fundadores investiram uma grande quantidade de tempo e dinheiro na Realidade Virtual (…) Nós estamos desapontados que outra empresa esteja usando um dispendioso litígio em uma tentativa de levar o crédito pela tecnologia que não teve a visão, conhecimento ou paciência para construir”.

 

Carregando...

Você pode se interessar

Influenciadores digitais que não existem
Artigos
59 visualizações
Artigos
59 visualizações

Influenciadores digitais que não existem

Carlos L. A. da Silva - 2 de dezembro de 2021

Na era da pós-verdade, influenciadores que não são reais estão ganhando espaço para uma multidão que quer ser influenciada

Pais criam aplicativo de código aberto melhor que o da escola, mas a polícia é acionada
Artigos
196 visualizações
Artigos
196 visualizações

Pais criam aplicativo de código aberto melhor que o da escola, mas a polícia é acionada

Carlos L. A. da Silva - 23 de novembro de 2021

Aplicativo oficial do sistema educacional da capital Suécia era ruim demais, mas a lei é a lei...

10 recursos HTML5 úteis que você pode não estar usando
Artigos
449 visualizações
Artigos
449 visualizações

10 recursos HTML5 úteis que você pode não estar usando

Carlos L. A. da Silva - 6 de novembro de 2021

O HyperText Markup Language nos acompanha desde os primórdios da web. É o seu tijolo mais básico. Podem surgir novas tecnologias, plugins, frameworks, conteúdo rico, mas o bom e velho HTML continua sendo a base de tudo e aprender seus mais profundos nuances é fundamental para os desenvolvedores. O HTML5 é a implementação atual da […]

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações

O Metaverso está vindo?
Artigos
511 visualizações
511 visualizações

O Metaverso está vindo?

Carlos L. A. da Silva - 1 de novembro de 2021
Por que eu decidi não migrar para o Windows 11 agora
Artigos
618 visualizações
618 visualizações

Por que eu decidi não migrar para o Windows 11 agora

Carlos L. A. da Silva - 19 de outubro de 2021
Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo
Artigos
914 visualizações
914 visualizações

Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo

Carlos L. A. da Silva - 18 de setembro de 2021