0 Compartilhamentos 509 Views

Mais de 300 mil servidores continuam vulneráveis ao Heartbleed

23 de junho de 2014

Há dois meses atrás, especialistas em segurança e usuários da Internet entraram em pânico quando um engenheiro do Google descobriu um enorme bug – conhecido hoje como Heartbleed – que colocou mais de um milhão de servidores na web em risco. O bug em si não está mais nas manchetes, mas isso não significa que o problema foi resolvido: O pesquisador de segurança Robert David Graham descobriu que pelo menos 309.197 servidores ainda são vulneráveis ​​à falha.

Imediatamente após a falha ser revelada, Graham encontrou cerca de 600 mil servidores expostos. Um mês após o bug ser anunciado, metade desse número já tinha recebido um reparo e a outra metade continuava vulnerável.

Heartbleed

No mês passado, no entanto, apenas 9.042 servidores da metade ainda vulnerável tinham sido corrigidos para bloquear o Heartbleed. Isso é motivo de preocupação, porque significa que sites menores não estão fazendo o esforço para implementar uma correção.

Os números indicam que as pessoas pararam até de tentar desenvolver patches para o Heartbleed. Devemos ver uma diminuição lenta ao longo da próxima década, quando os sistemas mais antigos forem substituídos lentamente, mas mesmo daqui há 10 anos pesquisadores ainda esperam encontrar milhares de sistemas, incluindo alguns muito importantes, vulneráveis ao problema.

Carregando...

Você pode se interessar

Por que eu decidi não migrar para o Windows 11 agora
Artigos
61 visualizações
Artigos
61 visualizações

Por que eu decidi não migrar para o Windows 11 agora

Carlos L. A. da Silva - 19 de outubro de 2021

O novo sistema operacional da Microsoft está entre nós, mas talvez não seja uma boa ideia pular de cabeça.

Enumerando e analisando mais de 40 implementações de JavaScript (que não são V8)
Artigos
205 visualizações
Artigos
205 visualizações

Enumerando e analisando mais de 40 implementações de JavaScript (que não são V8)

Carlos L. A. da Silva - 6 de outubro de 2021

V8 é o interpretador JavaScript, também chamado de máquina virtual Javascript, desenvolvido pela Google e utilizado em seu navegador Google Chrome. Com o peso de seus criadores e a quase onipresença do navegador, foi apenas uma questão de tempo para essa implementação do JavaScritp se tornar dominante no mercado. Entretanto, um bom desenvolvedor sabe que […]

Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo
Artigos
385 visualizações
Artigos
385 visualizações

Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo

Carlos L. A. da Silva - 18 de setembro de 2021

O inglês Clive Marles Sinclair nasceu de uma família de engenheiros. Seu avô foi engenheiro, assim como o seu pai. Com um talento natural pela Matemática e um forte interesse em eletrônica, ele se tornaria uma página importante da popularização da computação em diversas partes do mundo, construindo um legado que se perpetuará por anos […]

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações

A cibersegurança por trás das vacinas
Artigos
484 visualizações
484 visualizações

A cibersegurança por trás das vacinas

Carlos L. A. da Silva - 7 de setembro de 2021
Top 25 comandos do Git
Artigos
618 visualizações
618 visualizações

Top 25 comandos do Git

Carlos L. A. da Silva - 28 de agosto de 2021
Dez anos de Kotlin: origens e futuro
Artigos
672 visualizações
672 visualizações

Dez anos de Kotlin: origens e futuro

Carlos L. A. da Silva - 20 de agosto de 2021