0 Compartilhamentos 488 Views

Microsoft prova que Google Chrome drena a bateria do seu laptop

Houve uma época, antes de Satya Nadella, em que a Microsoft vivia apontando as falhas do Google. Depois de uma breve trégua, a empresa está agora em campanha para provar que o Google Chrome drena a bateria do seu laptop.

Na verdade, o problema é velho conhecido dos usuários e do próprio Google, mas a Microsoft aponta que é gritante a diferença entre o consumo do Chrome o consumo do Edge.

A Microsoft conduziu dois testes em laboratórios comparando seu navegador com os concorrentes Chrome, Mozilla Firefox e o Opera em termos de consumo de bateria. Em um dos testes, envolvendo navegar pelos sites mais populares, rolar artigos, abrir novas abas e consumir alguns vídeos, a vitória coube ao Edge e ao Firefox, com o Chrome apresentando a pior performance.

Mas a diferença maior apareceu no segundo teste, em que laptops iguais, plenamente carregados, em conexões iguais, ficaram ligados em um streaming de vídeo em HD em tela cheia até esgotar a bateria. O notebook rodando o experimento com o navegador Edge permaneceu ligado por 7 horas e 22 minutos. Já o laptop que estava executando o Google Chrome para a tarefa, aguentou somente 4 horas e 19 minutos antes de desligar sozinho.

A Microsoft também compilou dados de utilização de milhões de PCs equipados com o Windows 10 e chegou à mesma conclusão: em termos de consumo de energia, o Chrome não se compara ao Edge ou ao Firefox. Segundo a empresa, “nós desenhamos o Microsoft Edge do zero para priorizar eficiência de energia e entregar mais vida de bateria, sem nenhum modo especial de economia de bateria ou alterações nas configurações básicas”.

Até o momento, o Google não se manifestou sobre os resultados obtidos pela Microsoft.

Carregando...

Você pode se interessar

Por que eu decidi não migrar para o Windows 11 agora
Artigos
120 visualizações
Artigos
120 visualizações

Por que eu decidi não migrar para o Windows 11 agora

Carlos L. A. da Silva - 19 de outubro de 2021

O novo sistema operacional da Microsoft está entre nós, mas talvez não seja uma boa ideia pular de cabeça.

Enumerando e analisando mais de 40 implementações de JavaScript (que não são V8)
Artigos
247 visualizações
Artigos
247 visualizações

Enumerando e analisando mais de 40 implementações de JavaScript (que não são V8)

Carlos L. A. da Silva - 6 de outubro de 2021

V8 é o interpretador JavaScript, também chamado de máquina virtual Javascript, desenvolvido pela Google e utilizado em seu navegador Google Chrome. Com o peso de seus criadores e a quase onipresença do navegador, foi apenas uma questão de tempo para essa implementação do JavaScritp se tornar dominante no mercado. Entretanto, um bom desenvolvedor sabe que […]

Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo
Artigos
429 visualizações
Artigos
429 visualizações

Sir Clive Sinclair, o homem adiantado no tempo

Carlos L. A. da Silva - 18 de setembro de 2021

O inglês Clive Marles Sinclair nasceu de uma família de engenheiros. Seu avô foi engenheiro, assim como o seu pai. Com um talento natural pela Matemática e um forte interesse em eletrônica, ele se tornaria uma página importante da popularização da computação em diversas partes do mundo, construindo um legado que se perpetuará por anos […]

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações

A cibersegurança por trás das vacinas
Artigos
530 visualizações
530 visualizações

A cibersegurança por trás das vacinas

Carlos L. A. da Silva - 7 de setembro de 2021
Top 25 comandos do Git
Artigos
670 visualizações
670 visualizações

Top 25 comandos do Git

Carlos L. A. da Silva - 28 de agosto de 2021
Dez anos de Kotlin: origens e futuro
Artigos
724 visualizações
724 visualizações

Dez anos de Kotlin: origens e futuro

Carlos L. A. da Silva - 20 de agosto de 2021